JOGOS OLÍMPICOS

Organizadores se contradizem sobre realização dos Jogos de Tóquio

Yoshiro Mori e Toshiro Muto têm opiniões divergentes e Olimpíada segue ameaçada pela covid-19

Jogos Olímpicos

Jogos Olímpicos

Na quinta-feira, 23, faltará exatamente um ano para a Cerimônia de Abertura dos Jogos de Tóquio-2020, adiados para 2021 por causa da pandemia do novo coronavírus que assola o mundo. A covid-19, no entanto, continua a ameaçar a realização da Olimpíada e já causou um desencontro de opiniões de dois importantes membros do Comitê Organizador japonês.

Enquanto Yoshiro Mori, presidente do Comitê, acredita que não será possível realizar a Olimpíada se a crise de saúde persistir, Toshiro Muto, CEO da entidade, afirma que os Jogos acontecerão mesmo que a pandemia não tenha diminuído substancialmente.

Fonte: Band Sports

Dê sua opinião: